Na dúvida pergunte, antes que seja tarde demais!!

Cuidado!! “Nem tudo que seus olhos veem pode ser o que você enxerga”.

No início da nossa décima semana de desenvolvimento do projeto OverQueue, mais precisamente no dia 10-10-19 apresentamos aos professores Ivan Martinez e Jose Braz, o que já havíamos produzido no front-end, back-end e modelagem de dados.

Perguntas e respostas

Os professores nos deram um feedback extremamente valioso no lado do front-end, nos alertaram quanto ao layout da aplicação do lado do usuário (recepcionista), quais informações devem estar obrigatoriamente de forma que “bateu o olho” identifica o que é necessário, pensar no comportamento do cliente simulando todas as situações possíveis que possam acontecer. No back-end e modelagem dos dados, analisaram o nosso DER (Diagrama Entidade Relacionamento) e também nos alertaram para uma modelagem que não fique amarrada somente a normalização de tabelas mais sim as necessidades da nossa aplicação e que o banco de dados deve responder a todas as nossas perguntas no que diz respeito a relatórios.

Conclusão

A conclusão deste post fica para todas as equipes que fazem parte desse semestre e também para todas as que ainda irão passar por essa disciplina. Na dúvida, no medo, na certeza, no ego, na alegria, na tristeza, na euforia ou na dor, seja qual for o seu sentimento mostre o que você tem, questione suas dúvidas e repense o que você tem certeza. Nem tudo que seus olhos veem pode ser o que você enxerga. Os professores estão ali na sala o tempo todo esperando por um questionamento uma pergunta uma dúvida, para uma organização que desenvolve um produto ou serviço o melhor feedback é justamente o do seu cliente, e os professores são nossos clientes e sabem mais que ninguém o que esperam do nosso produto, não deixe para mostrar o que você tem no dia da apresentação, pode ser tarde demais.